PENTECOSTES

 A palavra “Pentecostes” vem do grego e significa “o 50º dia” . É uma das grandes festas judaicas. Em  Ex. 23,14-17 é chamada de festa da colheita ou festa das primícias da colheita do trigo. Em Ex 34,22 é chamada de festa das semanas, pois a colheita do trigo acontecia nas 7 semanas subsequentes à festa dos ázimos  (Lv 23,15-21). Em Dt 16,9-12, o dia das primícias acontecia 7 semanas depois do inicio da colheita do trigo.

Evidentemente, a festa, de origem agrícola, era uma celebração de ação de graças pelos primeiros (primícias) frutos (trigo) colhidos no ano.  Nesta festa era oferecido a Deus os primeiros frutos colhidos.

Na antigüidade judaica o primeiro e o último dia de um período eram contados como sendo um único dia.

Mais tarde essa festa foi associada à recordação da conclusão da Aliança no Monte Sinai e da entrega do Decálogo (Os 10 mandamentos) a Moisés.

 No Novo Testamento a festa de Pentecostes ganha um sentido cristológico, isto é, 50 dias após a morte e ressurreição de Jesus os primeiros frutos de sua pregação começam a aparecer, por exemplo a pregação de S. Pedro e a saída dos apóstolos da clandestinidade. Os apóstolos saem para continuarem a pregação do Reino iniciada por Jesus.

Lemos em Atos 2,1ss que no dia de Pentecostes o Espírito Santo pousou sobre cada um deles e começaram a falar em línguas que era compreendida por ouvintes. Esta mensagem, se associarmos ao relato da Torre de Babel, vamos entender perfeitamente o sentido de Pentecostes. No relato da Torre de Babel, o egoísmo, a inveja, o desejo do homem ser mais do que ele é (atingir o céu, ser deus) o levou a sua desintegração humana e social. Em Cristo, sob a ação do Espirito Santo de Deus, há o retorno à unidade primitiva da criação e ao mesmo tempo a universalização do Reino, isto é , Cristo não trouxe o seu Reino e a salvação apenas para os judeus, mas para toda a humanidade. Essa é a missão dos apóstolos que, impulsionados e iluminados pelo Espírito Santo saem a pregar o Evangelho de Jesus Cristo ressuscitado. A Igreja por sua vez é o lugar, meio e instrumento para continuar essa missão universal de paz e unidade iniciada por Cristo e os apóstolos.

  ===========================

José Luiz Cruz Duarte

setembro 2017
S T Q Q S S D
« jun    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  

O SANTO DO DIA

Untitled Document O  Santo do dia